Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

No comando: Visão de jovens corre risco, diz pesquisa

Das 6:00 as 8:00

carlinhoslima
No comando: Carlinhos Lima

Das 00:00 as 24:00

Marquinho Amaral congratula Dr. Ricardo Innecco de Castro por trabalho na criação de Banco de Órtese

Compartilhe:
thumbnail_Marquinho_moçao

O vereador Marquinho Amaral apresentou na Câmara Municipal de São Carlos nesta quinta-feira (29) uma moção de congratulação ao médico ortopedista Dr. Ricardo Innecco de Castro, pela sua importante participação no desenvolvimento do projeto “Mudando a Vida das Crianças Com Pé Torto Congênito no Brasil”, realizado pelo Rotary Clube São Carlos Norte em parceria com o Rotary Club da Alemanha.

O projeto cria um Banco de Órtese para fornecimento do dispositivo médico a crianças que nascem com a deformidade, complementando um primeiro projeto desenvolvido em 2018 pelo Rotary Clube Sudeste de São Carlos, em parceria com o Rotary Club de Iowa, nos Estados Unidos, chamado “Erradicando o Pé Torto no Brasil”.

O objetivo do conjunto de ações é dar subsídio a mais de 70 clínicas Rotary de referência em Pé Torto Congênito em todo o país que promovem, de forma gratuita, o Método Ponseti, série de procedimentos que visam corrigir a deformidade do Pé Torto, com a aplicação de técnica com gesso que é trocado semanalmente, aliado à manipulação das articulações do pé da criança e à utilização de uma bota ortopédica (órtese).

GESTÃO – O parlamentar ressaltou que São Carlos será a sede administrativa da ONG Amigos do Pezinho, que irá fazer a gestão das órteses e do tratamento. Parabenizando a organização pelo trabalho, Marquinho explicou que a primeira fase do programa será o cadastramento das clínicas com os pré-requisitos para que esses pontos possam receber as doações das botinhas pelo projeto do Rotary, criando assim um banco de órteses que irá se renovando e se autossustentando.

A ONG será responsável pela doação, recepção, aquisição e manutenção das órteses e, sob orientação do Rotary Clube São Carlos Norte, manterá o monitoramento dos atendimentos das Clínicas. A Universidade de Iowa disponibiliza um sistema de informação no qual todas as unidades brasileiras podem inserir dados e têm o resultado estatístico do tratamento.

ATENDIMENTO DAS CLÍNICAS - Na região, as Clínicas Rotary de referência em Pé Torto Congênito, para as quais as crianças são encaminhadas via SUS (Sistema Único de Saúde), já estão em atividade, com unidades em Ibaté, pela qual Innecco é responsável, e em Américo Brasiliense.

“O médico Dr. Ricardo Innecco de Castro foi um dos grandes responsáveis pela instalação do Centro na cidade, a Clínica de Referência para o Tratamento da enfermidade do Pé Torto Congênito. Esta é a deformidade mais comum nos pés das crianças, uma a cada mil nascem com essa condição”, destacou Marquinho Amaral, parabenizando também o trabalho  da ONG Amigos do Pezinho.

Foto: assessoria do vereador

thumbnail_Marquinho_moçao

Deixe seu comentário: